Madre Maria Cecília Juliana de São José
Fundadora da Congregação das Servas de Maria do Brasil

madrececilia jovem

A jovem Maria de Brito Pinto de Azevedo nasceu em 21 de junho de 1871 na cidade de Bananal, SP, filha de Luciano César Pinto de Azevedo e Leopoldina Maria de Brito. Após o falecimento do pai, mudou-se para o Rio de Janeiro, adotando, conforme costume da época, o nome de Maria Cândida de Castro, como sempre foi conhecida pelas Irmãs da Congregação. Apesar das dificuldades financeiras matriculou-se no Instituto Nacional de Música, formando-se na mesma profissão, que serviu para o sustento de sua família por algum tempo.

madrececilia com criancas

Sentindo-se chamada pelo Senhor à Vida Religiosa Consagrada, ingressou na Congregação das Pequenas Irmãs da Divina Providência, onde, no silêncio da oração e da experiência da vida comunitária, discerniu os desígnios de Deus que a chamava para outro carisma em uma nova missão: fundar a Congregação das Servas de Maria do Brasil. Com a espiritualidade alicerçada na Paixão de Cristo, nas Dores de Maria e no Carisma da compaixão misericordiosa do Deus Pai, para com os sofredores, fundou a Congregação das Servas de Maria do Brasil. Após emitir os votos religiosos recebeu o nome de Madre Maria Cecília Juliana de São José, em 17 de junho de 1917.

Faleceu em 19 de Janeiro de 1945, em Carangola, MG, sendo sepultada no Rio de Janeiro, e por ocasião do cinquentenário de morte, foi transladada solenemente para a Igreja Nossa Senhora das Dores, da Casa Mãe. Na mesma ocasião foram trasladados, para o mesmo local os co-Fundadores da Congregação das Servas de Maria do Brasil, Madre Maria Agostinha da Imaculada e Padre Nino Minelli.

memorial